Criptomoedas

B3 vai lançar um mercado de contratos futuros para criptoativos em 2022

Por Fast Trade
31 janeiro 2022 - 16:26 | Atualizado em 31 janeiro 2022 - 17:34
ações da B3; B3SA3

A B3 vai lançar um mercado de contratos futuros para criptoativos em 2022, iniciando pelas negociações das moedas bitcoin e Ethereum. O objetivo é construir uma plataforma para viabilizar operações, de modo que será possível manter a custódia e fazer liquidações de criptomoedas.

+ Calendário do Trader 2022: Baixe agora!

Nesse sentido, a Bolsa brasileira pretende lançar este projeto já nos próximos meses, conforme explicou o diretor responsável pelo desenvolvimento de sistemas de trading, Jochen Mielke. Em uma entrevista ao Valor, ele afirmou que a B3 também continua trabalhando em outros serviços ligados ao segmento.

“Temos em torno de 30 corretoras de cripto nacionais, fora as internacionais que atuam aqui. Poderíamos oferecer um serviço para facilitar e padronizar as operações delas. Acredito que temos algo a explorar no fornecimento de serviços de custódia e no processo de liquidação” – disse o executivo.

Explorando outras frentes de crescimento

O diretor destacou que a empresa pretende exercer outras funções no mercado de criptos, a exemplo do que ela faz atualmente no mercado de ações. Em agosto do ano passado, a B3 lançou o primeiro ETF que replica o desempenho do Ethereum visando diversificar o seu mix de produtos.

Como resultado, em dezembro, estes ativos já eram os mais rentáveis do portfólio oferecido pela Bolsa, de forma que os fundos com exposição às criptomoedas apresentaram um retorno de 108%.

Diante disso, a demanda aumentou e a equipe de gestão da B3 decidiu acelerar o desenvolvimento do projeto. “O mundo de ETFs tem 150 mil investidores com R$ 100 milhões de volume médio diário de negociação” – disse Mielke.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

Ele ainda ressaltou que a Bolsa de Nova York é um bom exemplo de inovação e diversificação, pois, conta com um mercado futuro de bitcoin desde 2017. Por isso, ela está à frente dos demais mercados mundiais e atrai tantas empresas, conforme justificou o diretor.

Por fim, Mielke esclareceu que ainda não há uma definição sobre a referência das negociações do mercado de futuros de criptomoedas. Isto porque, os contratos podem transacionados contra o dólar ou contra o real e este quesito ainda será objeto de discussão.

Quer ficar informado de todas as novidades do mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade

B3 vai lançar um mercado de contratos futuros para criptoativos em 2022

Leia também:

Agenda de indicadores: Superávit do setor público e dados do Caged

Variações climáticas impactam na colheita de soja da safra 2021/22

Bolsa e dólar iniciam a semana em queda refletindo a aversão ao risco no exterior


Sobre o autor