Empresas

Após sete anos de prejuízos, Taurus registra lucro líquido de R$43,4 milhões em 2019

Por Bruna Santos
30 março 2020 - 13:05 | Atualizado em 30 março 2020 - 13:06

A Taurus Armas (TASA4) divulgou os resultados corporativos do quarto trimestre de 2019, evidenciando um lucro líquido de R$22,1milhões.

Após sete anos consecutivos de prejuízos, a fabricante de armas reverteu o saldo negativo de R$59,9 milhões reportados em 2018 e encerrou o exercício com lucro líquido de R$43,4 milhões.

O faturamento líquido anual subiu para R$999,6 milhões, o que representa um crescimento de 18,3% sobre a cifra registrada um ano antes e o Ebitda consolidado avançou 10,3%, para R$128 milhões.

No ano, como operações descontinuadas, a empresa gaúcha contabilizou uma baixa de R$4,2 milhões relacionadas à operação de capacetes.

A produção de armas saltou de 1,1 milhão de unidades em 2018 para 1,2 milhão de unidades em 2019, anotando expansão no mercado brasileiro.

Mesmo assim, o mercado externo ainda é o responsável pela maior fatia da receita da companhia, cuja capacidade atual é de 1,8 milhão de armas por ano.

Segundo a Taurus, a venda de armas aumentou para 1,3 milhão de unidades, com crescimento de 59,1% no volume de produção destinado ao exterior.

O resultado positivo também foi ajudado pela queda de R$77 milhões, ou 21,8%, nas despesas operacionais no quarto trimestre, apesar de a empresa ter registrado despesas extraordinárias não recorrentes de R$37,1 milhões.

Contudo, as despesas com vendas avançaram 55% de outubro a dezembro, atingindo o montante de R$35,2 milhões.

Em relação à pandemia, a empresa gaúcha informou que suas atividades são consideradas estratégicas e essenciais, o que assegura a manutenção de suas atividades mesmo em períodos de crise.


Sobre o autor