Criptomoedas

Alívio nas tensões geopolíticas gera otimismo e Bitcoin avança aos US$ 44 mil

Por Fast Trade
15 fevereiro 2022 - 13:23 | Atualizado em 15 fevereiro 2022 - 14:02
Créditos: shutterstock.com

Acompanhando as movimentações da renda variável, o setor de criptomoedas operava em território positivo, refletindo o alívio nas tensões geopolíticas. Às 13h24 (horário de Brasília), o Bitcoin subia 0,59% na cotação de R$ 229.994 (ou US$ 44.486) e o Ethereum avançava 2,39% na cotação de R$ 16.254 (ou US$ 3.141).

Nesse sentido, o apetite ao risco nos mercados internacionais também influenciava o desempenho dos criptoativos, após o segmento passar por fortes liquidações. A notícia sobre a retirada de parte das tropas russas da fronteira com a Ucrânia trouxe ânimo, suavizando as preocupações quanto a um conflito armado.

+ Carteira Recomendada de Ações Fevereiro: Baixe agora!

Segundo o porta-voz do Ministério de Defesa da Rússia, Igor Konashenko, os soldados estão deixando os distritos militares do Sul e do Oeste e também estão levando os equipamentos.

Acima de tudo, essa reação deixou claro que Moscou está atento às articulações dos EUA junto à União Europeia e pode representar o restabelecimento do diálogo diplomático na região. E isso tende a beneficiar a recuperação tanto das moedas digitais, quanto das ações.

Potência de exploração de dados e projeções para o Bitcoin

Esse clima de otimismo também reagia à atuação das mineradoras, que acentuaram a disputa por Bitcoin através da exploração dos dados na Blockchain. No final de semana, o indicador de poder computacional dedicado à rede da criptomoeda (hashrate) alcançou novo recorde em 248,11 milhões de terahashes por segundo.

Ao mesmo tempo, essa grande demanda sinaliza que a moeda pode retomar a trajetória de valorização, sobretudo, após o anúncio da volta dos investidores institucionais. Isto porque, os fundos de criptomoedas registraram o ingresso de US$ 75 milhões em novos investimentos na semana passada, segundo a gestora de ativos digitais CoinShares.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

Por fim, esta é a quarta semana consecutiva de entradas líquidas no segmento de criptoativos, o que demonstra a confiança contínua do mercado. “O bitcoin parece estar se estabilizando, o que é uma boa notícia, considerando o quão significativamente os rendimentos dos títulos do Tesouro norte-americano estão subindo” – disse o analista da Oanda, Edward Moya.

Quer ficar informado de todas as novidades do mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade

Alívio nas tensões geopolíticas gera otimismo e Bitcoin avança aos US$ 44 mil

Leia também:

Braskem firma acordo com empresa francesa para projeto de energia térmica renovável


Sobre o autor