Mercados

ADRs brasileiros negociadas em Nova York fecham em alta; Petrobras é destaque

Por Fast Trade
01 março 2022 - 19:41 | Atualizado em 02 março 2022 - 07:15

Com a B3 fechada devido ao feriado de Carnaval, os ADRs (recibos de ações das empresas brasileiras) negociados em Nova York fecharam em território positivo. O índice Dow Jones Brazil Titans 20 ADR – que reúne as empresas mais líquidas do país – avançou 0,28%, na faixa de 19.066 pontos.

Desse modo, os papéis ordinários da Petrobras se destacaram, registrando valorização de 2,73%, na cotação de US$ 14,62. Da mesma forma, os ADRs da estatal que equivalem às ações preferenciais subiram 3,28%, encerrando no preço de US$ 13,52.

+ Derivativos: O guia completo para você começar a investir!

Nesse sentido, as ações da companhia refletiram o aumento dos preços do petróleo comercializado no mercado internacional. Em função dos impactos da guerra na Ucrânia, o barril tipo Brent, utilizado como referência, avançou 8,05% no preço de US$ 105,86 o barril, renovando a máxima desde 2014.

E esta situação pode se agravar porque a Rússia é o terceiro país no ranking mundial de produção de petróleo e sua oferta está sendo boicotada. Após o início dos conflitos, os produtores russos estão adiando a realização das vendas devido à escassez de compradores, já que os importadores europeus e asiáticos estão rejeitando a commodity do país, no cumprimento das sanções.

Apesar disso, os 31 países-membros que integram o Conselho da Agência Internacional de Energia (AIE) decidiram liberar 60 milhões de barris de petróleo de suas reservas de emergência para mostrar ao mercado que não haverá déficit do óleo bruto.

Situação em Nova York

Ainda preocupados com as consequências econômicas deste conflito, os investidores reduziram a exposição a ativos de risco, buscando efetuar alocações em setores que oferecem maior segurança.

Por isso, o Dow Jones caiu 1,76%, o S&P 500 recuou 1,55% e o Nasdaq Composto declinou 1,59%.

Acima de tudo, essa crise geopolítica veio em um momento delicado, no qual, os países estão enfrentando fortes pressões inflacionárias provocadas pela pandemia. E esta nova realidade tende a prolongar os problemas com a inflação, pressionando os Bancos Centrais a aumentarem os juros antes do previsto.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

Por fim, apesar de apresentar, majoritariamente, um desempenho positivo, as empresas brasileiras assumiram comportamentos mistos em Wall Street. Encerraram em alta: Petrobras (PRB-A/PRB), CSN (SID), Vale (VALE), Gerdau (GGB) e Grupo Ultra (UGP).

Encerraram em queda: Cemig (CIG), Sabesp (SBS), Tim Brasil (TIMB), Bradesco (BBD), Telefônica Vivo (VIV), BRF (BRFS), Pão de Açúcar (CBD), Itaú Unibanco (ITUB), Santander (BSBR), Gol (GOL), Azul (AZUL), Ambev (ABEV) e Embraer (ERJ).

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade

 

Leia também:

Bitcoin recupera patamar de US$ 44 mil refletindo o aumento das tensões na Ucrânia

Commodities: Agravamento do conflito na Ucrânia impulsiona os preços dos grãos

Ministério da Economia anuncia a redução de 25% nas alíquotas do IPI


Sobre o autor