Empresas

ABEV3, TIET11, CPLE3, PGMN3: as notícias do radar corporativo

Por Fast Trade
10 dezembro 2020 - 11:50 | Atualizado em 10 dezembro 2020 - 13:20
Ambev tem volume recorde

Veja as notícias corporativas que podem repercutir no pregão de hoje da B3 envolvendo a Ambev (ABEV3), AES Tietê (TIET11), Copel (CPLE3) e Pague Menos (PGMN3).

Ambev (ABEV3)

O anúncio da Ambev (ABEV3) em relação ao pagamento de juros sobre o capital próprio pode repercutir na B3 nos próximos dias.

Esses proventos, definidos em R$ 0,4137 por ação, deverão ser pagos no dia 30 de dezembro. Quando executado o Imposto de Renda de 15%, conforme previsto pela Companhia, o valor ficará em R$ 0,3517 por ação.

Segundo a Ambev, as ações e os BDRs passarão a ser negociadas como “ex-JCPs” a partir do dia 18 de dezembro. Assim sendo, o acionista que quiser receber os proventos da ABEV3 deve estar posicionado até 17 de dezembro.

Baixe agora: Guia completo de como ter sucesso nas operações de day trade

Desempenho da ABEV3 na B3

Em novembro, os papéis da cervejaria anotaram uma performance de 14,8%, desempenho melhor do que outras companhias do segmento de alimentos e bebidas.

M. Dias Branco (MDIA3), por exemplo, não teve valorização no décimo primeiro mês do ano. Além disso, a Marfrig (MRFG3) anotou alta de 6,6%, ao passo que a Minerva (BEEF3) subiu apenas 3,2%.

De acordo com o BB Investimentos, a expectativa para o aumento na demanda por cervejas mediante a reabertura de bares e restaurantes pode refletir de modo positivo nos papéis da ABEV3 em um período de curto prazo.

Isso, na avaliação do BB Investimentos, apoiará a recuperação gradual de vendas da Companhia, bem como a atratividade do papel. Ademais, a Ambev tem se mostrado resiliente frente às adversidades, conforme destacou o BB Investimentos, mesmo em momentos de maior cautela por parte dos investidores.

Baixe gratuitamente: Dólar e Mini dólar – Desvendando este mercado

AES Tietê (TIET11)

Do mesmo modo, a AES Tietê (TIET11) aprovou o pagamento de R$ 35 milhões em juros sobre o capital próprio. Em valor bruto, o montante a ser pago por ação será de R$ 0,01785055349, equivalente a R$ 0,08925276745 por unit.

Embora a data de pagamento ainda esteja indefinida, ficou estabelecido que as ações passarão a ser negociadas “ex-JCPs” a partir do dia 15 de dezembro

Baixe agora: Guia de A a Z de como se tornar um trader!

Copel (CPLE3)

Assim como a ABEV3 e a TIET11, a Copel (CPLE3) anunciou ao mercado o pagamento de juros sobre o capital próprio. O montante distribuído será de R$ 807 milhões, de acordo com a Companhia.

Isso corresponde a R$ 2,81832398 por ação ordinária, R$ 3,10015638 por ação preferencial classe A e, por fim, R$ 3,10015638 por ação preferencial classe B.

Em todos os casos acima, o montante discriminado é definido como “valor bruto” pela Copel. As ações da empresa serão negociadas em “ex-JCPs” a partir do dia 29 de dezembro.

Por outro lado, a data de pagamento ainda será definida em Assembleia Geral Ordinária que será realizada até abril de 2021. A empresa também divulgou ao mercado sua estimativa de investimentos para o ano que vem, de aproximadamente R$ 1,9 bilhão.

Baixe agora: Guia do Investidor Iniciante

Pague Menos (PGMN3)

Por fim, na sequência dos destaques da B3, conselho de administração da Pague Menos (PGMN3) aprovou a recompra de até 1 milhão de ações, a fim de garantir a manutenção em tesouraria dos ativos e posterior entrega aos seus funcionários, bem como administradores, no âmbito do plano de ações restritas vigente.

O montante representa 0,69% dos 158 milhões de papéis PGMN3 que estão em circulação.

Favorite o portal Fast Trade em seu navegador para ficar por dentro das principais novidades do mercado de capitais.

Quer ficar informado de todas as novidades sobre as técnicas e estratégias aplicadas ao day trade? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade.


Sobre o autor