Blog

Trader

Esclareça suas dúvidas acerca da metodologia tape reading!

Por Rodrigo Santos
16 setembro 2020 - 18:37 | Atualizado em 16 setembro 2020 - 18:37

Você é um investidor de longa data na Bolsa de Valores? Se sim, provavelmente se lembra da época em que o pregão acontecia ao vivo e a cores no salão de negócios da bolsa. Foi também nesse período que surgiu um importante conceito para analisar ações: o tape reading.

Mesmo que tenha se passado dezenas de anos desde esse período e muitas tecnologias surgido nesse espaço de tempo, o tape reading permanece como uma ferramenta bastante eficiente para os traders que sabem como utilizá-la.

Quer saber mais sobre o assunto e aprender sobre essa forma de analisar ações? Então, acompanhe a leitura!

O que é o tape reading?

Da mesma forma que a metodologia de análise técnica utiliza informações gráficas para encontrar boas oportunidades, e a fundamentalista faz um estudo dos fundamentos de uma empresa, o tape reading tem sua própria forma de fornecer dados para a tomada de decisão.

Também conhecido como análise de fluxo de ordens, o tape reading tem como principal objetivo analisar as tendências existentes na formação dos preços e os impactos provocados pelo alto volume de negociação das ações na Bolsa de Valores.

Como funciona esse método?

Essencialmente, existem três formas principais fornecidas pela análise do fluxo de ordens: livro de ofertas, volume de profile e histórico de negociações.

A primeira delas demonstra a disposição dos traders para comprar e vendar determinado ativo. Já o volume de profile permite avaliar as regiões de maior concentração dos preços das ações, fornecendo uma boa ideia de pontos de resistência e de rompimento das cotações.

Por último, mas não menos importante, o histórico de negociações revela aos investidores a participação dos grandes players no mercado. A análise desse histórico demonstra os papéis que são comprados e vendidos pelos “tubarões” em qualquer período de seu interesse.

Ao estudar as informações oferecidas pelo tape reading, você poderá compreender com mais clareza quais são os reais motivos por trás das cotações de momento. Com esses dados em mente, é possível tomar uma decisão mais acertada e aumentar as chances de sucesso nas suas operações.

Quais são as vantagens do tape reading?

Por permitir que o trader consiga ler os fluxos de ordens em tempo real, o tape reading fornece informações cruciais para auxiliá-lo na busca do melhor ponto de entrada em uma operação.

Além disso, por se tratar de uma análise do que de fato acontece, o tape reading exclui a subjetividade e permite que o investidor tome suas decisões com base em informações pertinentes a respeito da atual situação do mercado. Sendo assim, é possível que o trader que utilize o tape reading tenha um aumento significativo na taxa de acerto de suas operações.

Apesar de todas as vantagens, vale lembrar-se de que é preciso bastante estudo para se aperfeiçoar na técnica de leitura do fluxo de ordens. Mas, de qualquer forma, esse é um conceito extremamente interessante para quem quer tornar-se um trader de alta performance. Conseguiu entender o conceito de tape reading por meio do nosso artigo?

Compartilhe-o nas suas redes sociais e ajude seus seguidores a entenderem como funciona essa importante ferramenta de análise!




Sobre o autor